Curso Básico de Diagnóstico Laboratorial de Tuberculose e Hanseníase

O Curso Básico de Diagnóstico Laboratorial de Tuberculose e Hanseníase destina-se aos técnicos farmacêuticos bioquímicos. O mesmo nasceu da necessidade de aperfeiçoar as técnicas de coleta, esfregaço e coloração das lâminas, conferindo ao exame maior confiabilidade e precisão nos diagnósticos. Para tanto, esse esforço dos trabalhadores requer uma formação baseada na aprendizagem significativa e produção do conhecimento implicado com o fazer concreto das práticas de cuidado individuais e coletivas, que serão dialogadas, durante o curso, como esforço para a construção do cenário de enfrentamento da doença que queremos alcançar.

Capacidade para implementação do diagnóstico de Hanseníase e Tuberculose utilizando metodologia de coleta, esfregaço e coloração das lâminas.

  • Conhecer a situação epidemiológica da Tuberculose e da Hanseníase no Mundo, Brasil e Ceará;

  • Atualizar conceitos sobre os aspectos clínicos e o diagnóstico laboratorial da Tuberculose e Hanseníase;

  • Conhecer o Sistema de Garantia de Qualidade da Baciloscopia, para Tuberculose e Hanseníase;

  • Contribuir para o desenvolvimento de habilidades necessárias à técnica de coleta de raspado intradérmico, esfregaço e coloração;

  • Desenvolver habilidades para leitura das lâminas de Tuberculose e Hanseníase.

UNIDADE 1 - EPIDEMIOLOGIA, CLÍNICA E DIAGNÓSTICO DA HANSENÍASE (8 HORAS)
- Noções Básicas da Hanseníase;
- Aspectos Epidemiológicos da Hanseníase;
- Diagnóstico Laboratorial da Hanseníase;
- Técnica de coleta, esfregaço e coloração das Lâminas;
- Técnica para leitura das lâminas e resultado da baciloscopia;
- Índice baciloscópico e Índice Morfológico;
- Controle de qualidade das Lâminas.

UNIDADE 2 - EPIDEMIOLOGIA, CLÍNICA E DIAGNÓSTICO DA TUBERCULOSE (4 HORAS)
- Noções Básicas da Tuberculose;
- Diagnóstico Laboratorial da Tuberculose;
- Técnica de coleta, esfregaço, coloração e leitura das lâminas.

UNIDADE 3 - PRÁTICA – MICROSCOPIA (HANSENÍASE E TUBERCULOSE) (28 HORAS)
- Coleta de Raspado Intradérmico;
- Coleta de escarro;
- Esfregaço e Coloração;
- Leitura de lâmina TB e MH.

PÚBLICO

Técnicos farmacêuticos bioquímicos

Z

MATRÍCULA

A definição das vagas é feita de acordo com o painel de indicadores da Coordenadoria de Vigilância Epidemiológica. As fichas de inscrição são enviadas aos municípios, que selecionam os profissionais conforme o perfil e interesse.

PERÍODO

21 a 25/10/2019

VAGAS

20 vagas

CARGA HORÁRIA

40 h/a

COORDENAÇÃO

Verônica Maria Ferreira Castro

INFORMAÇÕES

veronica.castro@esp.ce.gov.br / (85) 3101-1400